A resposta muitas vezes está nos detalhes. Ao encarar um problema, especialmente em uma empresa, são inúmeros fatores que podem influenciar cada decisão. Por isso, são usadas ferramentas como o dashboard, que tem como objetivo facilitar os processos de gestão. E muitas vezes, para ter sucesso, é preciso se atentar aos detalhes em um dashboard.

Definição de dashboard

Primeiramente, vamos entender o que é um dashboard. Esse conceito trata de uma ferramenta, que é usada para possibilitar uma visualização dos pontos mais importantes de uma empresa.

É uma das soluções de BI, Business Intelligence, mais conhecidas, pois permite uma visão rápida e eficaz dos pontos mais importantes da empresa. Isso é uma arma poderosíssima, levando a insights mais rápidos e mais precisos, de acordo com o contexto do negócio.

Por exemplo, imagine uma reunião em que estão todos os membros de um setor. Eles estão discutindo o andamento de um projeto. No dashboard, estão os indicadores de desempenho de algumas das ações que estão sendo implementadas. Com esse recurso, todos são capazes de visualizar o desempenho do projeto de uma maneira precisa. Mesmo que não seja exata.

Isso quer dizer que não necessariamente é conhecido o número que determina a performance, mas sabe-se, por exemplo, os setores que estão abaixo ou acima do esperado. Essa é uma grande vantagem do dashboard, sua capacidade de personalização, inclusive dos detalhes.

Leia também: O que é dashboard?

A importância dos detalhes em um dashboard

Todo mundo tem uma noção básica do que significa a palavra detalhe. Mas, nas dashboards, o significado é um pouco diferente. O detalhe da dashboard é um conjunto de informações extras sobre cada elemento, que pode aparecer como um pop up sobre o mesmo. Ou seja, o detalhe é uma função.

Com ele, é trazida uma outra série de informações importantes, que permitem identificar ou contextualizar a informação que faz parte deste elemento.

Os detalhes podem ser fundamentais para tornar as dashboards ainda mais eficazes no seu objetivo.

Voltando ao exemplo anterior, em que existe uma representação do desempenho de cada ação em uma dashboard. Ao perceber a diferença de uma ação que teve uma performance abaixo do esperado, a equipe pode decidir focar um pouco mais nela e elaborar alguma solução.

Os detalhes trazem algumas informações para ampliar o contexto da ação, especialmente para os outros membros da equipe que não o conhecem. Pode haver informações como o momento em que a ação foi feita e o tempo que ela durou, a forma como ela foi veiculada, o tipo de material usado na sua construção e outras.

As possibilidades e informações dos detalhes são infinitas e podem variar de acordo com o escopo da ação discutida. O importante é trazer algo que traga valor e informação para quem está visualizando a dashboard, de modo que ela seja capaz de ampliar a sua capacidade.

Os detalhes são importantes pelo mesmo motivo que as próprias dashboards. Ambos têm o propósito de trazer mais informação e contexto, de maneira mais simples e rápida, para todos os envolvidos tanto no trabalho, quanto na tomada de decisões.

Quer conhecer mais sobre as dashboard e ter formas ainda mais eficazes de representar visualmente as informações mais importantes sobre o seu negócio? Então se cadastre para receber ainda mais conteúdo e notícias sobre os nossos cursos e planilhas prontas!